sexta-feira

13 fantasmas


Roubei o título dessa postagem de um filme. Nao que o filme seja bom, mas talvez o título seja apropriado.
Tava assistindo a 2 temporada de lost e comecei a refletir sobre o que ele tem a ver com a vida real.
E descobri que sao os fantasmas.
Nao aqueles que assustam criancinhas no meio da noite, dos mortos e tal, mas os fantasmas da vida.
Tá, eu nao sei muita coisa da série, mas do modo como estou vendo, O Jack encontrar seu pai, o Locke voltar a andar, as drogas do Charlie, o Bebe da Claire, O cavalo preto da Kate, a gravidez de Sun... etc etc etc...
Todos esses exemplos sao de traumas, ou coisas parecidas que ocorreram na vida destas pessoas.
Todos nós temos esses fantasmas dentro de nós.
Eu parei para analisar os meus.
Acho que já matei alguns - com a ajuda do Montanha - e acho q estou disposta a talvez matar os que me restam.
Eu acredito que depois disse serei mais feliz.
Coisas que temos que provar para nós, e para os outros.
No meu caso tentei enumerá-los, nao por ordem de importância, mas na ordem em que eu lembro deles.
  1. Uma das primeiras histórias que falei aqui foram sobre amigos. Tenho este fantasma: Nao consigo manter longas amizades, apesar de ser - ou parecer - uma pessoa muito simpática, nao crio laços.
  2. Nao aprendi a fala inglês no momento certo da minha vida, eu era motivo de riso no colégio pq nao sabia pronunciar as palavras etc. entao criei uma raiva e um bloqueio com a língua. Agora me matriculei num curso de ingles por livre e espontanea vontade.
  3. Meu irmao mais velho acha que nao sou capaz de crescer. Acho que esse é o pior dos fantasmas. Ele é mto bem sucedido e espera o mesmo de mim. Cada um tem seu tempo. Quero provar que consigo.
  4. Ainda tenho mto rancor da minha mae, pelas coisas que ela me fez, mas sei que nao fui santa com ela tbm. Acho q precisamos conversar sobre mtas coisas.
  5. Nao sei o q quero fazer da minha vida! Esse é o GRANDAO, aquele típico de final de fase no PS2. Eu nao sei que rumo tomar. Enfim.
  6. Apesar de tudo o que me dizem, nao sou muito satisfeita com meu corpo, me falta força de vontade. Um dia quero conseguir ter uma vida certinha, cumprir horários de academia e dietas etc etc etc. Nao sou um caso absurdo, sei que poucos meses de esforço me fazem ficar como quero... mas muito me custa.
  7. Acho que nao serei capaz de viver com alguém. Nao sei. Esse eu nao sei explicar. Talvez seja pq meu pai é um cara altamente "casável", casou 5 vezes, acho que isso pra mim é quase que um exemplo de que nao é possível ser feliz pra sempre e nem com a mesma pessoa.
  8. Sou carente. Meu pai é um cara super retraído com suas emoçoes. Nao demonstra sentimentos. Minha mae é o oposto, chora por tudo, grita, bate. Emotiva até demais. O problema é que eu fico 10 meses com ele e 2 com ela. Nao dá tempo de "voltar ao normal". O problema disso é que deposito minhas fichas de "carência" em quem nao tem nada a ver com isso. Exemplo: Montanha. Sim, ele dá conta do recado - e como! - mas tenho medo de me decepcionar esperando algo que de fato nao seja uma obrigaçao dele.
Acho que nao cheguei a ter 13 fantasmas... nao sei... Eu lembrei de uns 2 que ja consegui resolver.... Talvez mais a frente eu encontre outros... quem sabe?

To be continued...

2 comentários:

Montanha disse...

Sei que é difícil encarar seus fantasmas, mas estou aqui pra ajudar (e não para se tornar mais um).

Por mais enrolado que eu possa ser, sempre estarei aqui pra te ajudar.

Um beijão, te apaixono!!!
obs.1: quanto ao fantasma 6 ... estou fazendo um plano malévolo para resolver isso... huahuahuahuaha

Uma guria aí disse...

hahaha!! vc sempre me ajuda Montanha!!

Beijos